Dia Municipal do Caramuru é celebrado

http://www.tribunadabahia.com.br/2011/10/05/dia-municipal-do-caramuru-e-celebrado

Reprodução Tribuna da Bahia

por 
Roberta Cerqueira
 
Publicada em 05/10/2011 23:04:01
Uma noite voltada à cultura marcou as comemorações do Dia Municipal do Caramuru e Dia do Rio Vermelho, celebrados ontem, na Associação Hispânico-galega Caballeros de Santiago. Caramuru é o nome tupi de Diogo Álvares Correia, náufrago português, descobridor do bairro e co-fundador da cidade de Salvador. Palestras, lançamentos de livros, coquetel e um show folclórico galego integraram os festejos.
“É sempre importante resgatarmos a rica história do Rio Vermelho, um bairro que, inclusive, conta com diversos casarões que constituem um acervo arquitetônico importante na nossa cidade. E, cinco séculos após a sua fundação, o Rio Vermelho se consolidou como um bairro com uma vasta cultura. Portanto, nada mais significativo do que homenagear o seu fundador”, frisou o prefeito João Henrique Carneiro, presente na celebração.O economista e empresário, Nelson Almeida Taboada abriu a noite com a palestra “Memorial Caramuru”, seguido pelo historiador Ubaldo Porto que abordou os “502 anos da Chegada de Caramuru”. A noite ainda contou com a contribuição do presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagem da Bahia (Abav-Ba), Pedro Galvão, com o tema “A Importância do Caramuru no Turismo Histórico”, sendo encerrada pelo presidente da casa, Santiago Campo, com “O Projeto Caramuru”.O deputado espanhol Severino Requera Varela, da província de Pontevedra, da Galícia – região autônoma da Espanha – também esteve presente no evento. Vice-prefeito do município de Pazos de Borbén, o deputado veio representando o governo da Galícia.

Na ocasião, Taboada lançou os livros “Discursos, Arti-gos e Palestras” e “Proyecto Caramuru Gallego”, este último, escrito por ele e outros quatro autores: Ubaldo Porto, Pedro Galvão, Santiago Campo e Maribel Amoedo.

Um coquetel, promovido pela Casa de Cultura Carolina Taboada, fechou as comemorações da noite.“Me sinto orgulhoso de participar de um evento como esse, pois, esta casa é voltada para o fortalecimento das atividades culturais integradas ao bairro do Rio Vermelho bem como todos os movimentos religiosos e filantrópicos de outros bairros”, destacou Taboada, que é presidente da Casa de Cultura que leva o nome de sua única filha.

O Dia Municipal de Caramuru, foi instituído pela  Lei 7.774, sancionada em 15 de dezembro de 2009, pelo prefeito João Henrique Carneiro. A data também é o Dia do Rio Vermelho e marca calendário festivo da cidade.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>