Vídeos de Nelson Almeida Taboada

Veja no canal do youtube os vídeos dos principais eventos que contou com a presença de Nelson Almeida Taboada. São eles; O lançamento do Livro Família Taboada na Bahia, Coletiva do Livro Família Taboada, entre outros

Todos os vídeos estão disponíveis no Canal do youtube.
Veja Também:

  Nelson Taboada no Blogspot
Perfil do Nelson Almeida Taboada no google+
Fanpage de Nelson Taboada

João Henrique garantiu Memorial Caramuru

Na noite de 24 de março, durante a solenidade de lançamento do livro Diogo Álvares, o Caramuru, o prefeito João Henrique Carneiro fez um pronunciamento em que anunciou a construção do Memorial Caramuru. Logo depois do importantíssimo discurso, o chefe do Executivo foi agraciado pela Central das Entidades do Rio Vermelho com um diploma de Honra ao Mérito e recebeu um exemplar do livro Família Taboada na Bahia, entregue (foto) pelo empresário Nelson Almeida Taboada, presidente da Casa de Cultura Carolina Taboada, patrocinadora da obra que resgatou a saga de uma família símbolo do Rio Vermelho.

Nelson Almeida Taboada – 500 Anos de Caramuru

Presidente da Casa de Cultura Carolina Taboada

Fundada no dia 25 de março de 2008, a Casa de Cultura Carolina Taboada, com sede no Rio Vermelho, tem entre seus objetivos propagar a saga da minha família, de origem galega e com presença marcante na comunidade do Rio Vermelho durante o século passado. É o que atesta o historiador do Rio Vermelho, Ubaldo Marques Porto Filho, autor do livro Família Taboada na Bahia .

A Casa de Cultura Carolina Taboada também foi criada com a missão de contribuir com ações de beneficência e de fomento cultural no Rio Vermelho, onde passei a infância e a adolescência.

Nesse bairro querido freqüentei o jardim de infância da Escola Osvaldo Cruz, dirigida pela renomada professora Isolina Diniz. Foi onde aprendi a ler e escrever.

Ao cursar o primário aprendi também alguma coisa sobre Diogo Álvares Corrêa, o Caramuru. Mas as referências transmitidas pelos professores e pelos livros didáticos eram superficiais, sem qualquer aprofundamento. Por exemplo, não informavam que o local do naufrágio ficava no Rio Vermelho. Registravam apenas ter ocorrido na costa de Salvador, ou da Bahia. Por essa razão, freqüentava a Praia da Mariquita sem saber que me encontrava no sítio da chegada do náufrago que recebeu dos índios o nome de Caramuru após o tiro de espingarda desferido da Pedra da Concha.

Agora, a trajetória desse homem de feitos épicos consta de uma obra que resgata a sua presença no cenário da história brasileira da primeira metade do século XVI. Trata-se, sem dúvida alguma, de um registro sem similar, pois nenhum outro estudioso, em tempo algum, se preocupou em escrever uma obra inteiramente consagrada a Caramuru. Neste livro pioneiro, além de demonstrar a real importância desse personagem na historiografia baiana, Ubaldo evidencia e elucida fatos com relação ao Rio Vermelho, local por onde o misterioso europeu ingressou na nossa história.

Por tudo isso, sinto-me honrado por ter colaborado na viabilização deste livro. Sinto-me também muito feliz por ser a obra que marca mais uma participação da Casa de Cultura Carolina Taboada num projeto cultural. A publicação deste trabalho ocorre inclusive num momento histórico, no ano do quinto centenário do aparecimento no Rio Vermelho do náufrago mais famoso de toda a história brasileira.

(Transcrito do Prefácio do livro “Diogo Álvares, o Caramuru”)

Nelson Almeida Taboada garantiu o patrocínio do livro que resgata a história de Caramuru

Em solenidade na sede da Casa de Cultura Carolina Taboada, seu presidente, empresário Nelson Almeida Taboada (no centro), assinou as autorizações que garantiram a produção do livro “Diogo Álvares, o Caramuru”: com a Artemapas (editoração eletrônica), representada pelo diretor Haroldo Aragão, à esquerda, e com a Press Color (impressão), representada pelo diretor Francisco Sales, à direita.

Nelson Almeida Taboada – Livro sobre família galego-baiana é oferecido à autoridade da Galícia

Durante a festa comemorativa dos 48 anos de fundação da Associação Cultural Caballeros de Santiago, o presidente da Casa de Cultura Carolina Taboada Nelson Almeida Taboada foi convidado pelo presidente da instituição aniversariante a proceder, no palco do Auditório Orsi Pousada, a entrega de um exemplar do livro “Família Taboada na Bahia” ao secretário da Xunta de Galicia, Manuel Luis Rodríguez González, que se encontrava visitando a colônia galega de Salvador.

Na oportunidade, o secretário recebeu a informação de que a família Taboada possuía raízes milenares, fincadas na Galícia e que sua origem teve como berço a atual cidade de Taboada, localizada no Vale do Minho, na província de Lugo. Foi ainda informado quer o primeiro Taboada que veio para a Bahia, José Taboada Vidal, nasceu em Cerdedo, município da província de Pontevedra. Chegou em 1892 e foi trabalhar no balneário do Rio Vermelho, onde construiu a vida profissional e familiar.

 

Nelson Almeida Taboada faz o lançamento do Livro Família Taboada na Bahia Yate Clube

Com um jantar oferecido pela Casa de Cultura Carolina Taboada, presidida pelo empresário Nelson Almeida Taboada, o livro “Família Taboada na Bahia”, escrito por Ubaldo Marques Porto Filho, foi lançado no Salão de Eventos do Yacht Clube da Bahia, no dia 1º de novembro passado. O evento, uma verdadeira festa de congraçamento, além dos Taboada, vários deles vindos de outros estados, reuniu representantes da colônia espanhola na Bahia e amigos da família biografada. As fotos são do Studio Enzo.

Integrantes da mesa que presidiu a solenidade.
A partir da esquerda: Francisco Sena, Reginaldo Trigo, Lise Weckerle, Amélia Taboada, Nelson Almeida Taboada, Ubaldo Porto Nestor Taboada,Paulo Souto e Cláudio Taboada.

Veja mais fotos do evento no: Album Picassa
Veja mais fotos do evento no: Flickr de Nelson Almeida Taboada
Encontre Nelson Almeida Taboada também no facebook, twitter, google+, fanpage.

Nelson Almeida Taboada ajuda Salão Paroquial

Atendendo solicitação do Conselho Paroquial do Rio Vermelho, a Casa
de Cultura Carolina Taboada
patrocinou a colocação do piso na área externa
do Salão Paroquial. A benfeitoria foi inaugurada no dia do lançamento
do livro “Família Taboada na Bahia”, quando foi descerrada uma
placa comemorativa, instalada na parte interna do Salão, com os dizeres
abaixo, gravados em material de alumínio, na dimensão 60×40 cm.

“A Paróquia de Sant’Ana do Rio Vermelho agradece ao empresário
Nelson Almeida Taboada, Presidente da Casa de Cultura
Carolina Taboada
, pelo patrocínio da colocação do piso na
área externa (entrada e varanda) do Salão Paroquial.”
Padre Ângelo Magno Carmo Lopes
Pároco
Salvador, 7 de novembro de 2008.